Inicio » , » Por que jogos antigos estão caros de mais.

Por que jogos antigos estão caros de mais.

Postado Por - Gabriel N. Data quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017 | 01:35


 Para quem não sabe eu sou um retro gamer e gamer de carteirinha, Nintendista, Sonysta, Xboxista kkk (acho que é assim). Eu tenho x1 Super Nintendo, x1 Xbox 360, x2 Playstation 2, x1 Playstation 1, x1 Nintendo 64 e pretendo ter mais! Um mega drive, Dreamcast e etc... 
 Ultimamente eu estou percebendo uma alta inflação nesse meio gamer, pessoas vendendo jogos que tiveram milhões de copias vendidas por preços absurdos e dizendo que é algo raro!! Assim não da!. Mas o porque isso é ruim? e como vc pode ajudar a melhorar isso? leia esse texto de um rapaz que publicou em um grupo de compra e venda de jogos antigos,  eu achei bem interessante. Ele postou junto a uma imagem de um rapaz vendendo um poster do magaman x2 a 400 reais.

texto por: Renan Soares II
"POR QUE EU NÃO CONTRIBUO COM O HYPE
Desde que comecei a colecionar eu já tinha algo bem certo na minha cabeça: jamais contribuir com o hype, porque o hype gera inflação.
Mas o que é HYPE?
Pela definição, Hype é o exagero de algo, ou em marketing uma estratégia para enfatizar alguma coisa, ideia ou um produto. É um assunto que está "dando o que falar", é algo que está na moda e que é comentado por todo mundo.
Ora, não é nenhuma novidade que as pessoas seguem modismos, é natural do ser humano. As pessoas sempre procuram algo com a qual elas possam fazer parte, seja por carência de atenção, vontade de interação ou ostentação.
Tendo isso em mente, fica fácil entender que o hype gera um aumento da demanda, o que consequentemente gera inflação em produtos escassos.
Há algumas semanas, alguém postou esse poster num grupo de games (nem lembro qual foi), perguntando quem gostaria de participar de um leilão do tal poster. Se houvesse bastante interessados, ele abriria o leilão. Aí, obviamente, choveu curiosos e interessados. Pessoas especulando a origem do item, curtindo, comentando, reagindo, gente perguntando se o poster vinha com o jogo e etc. Na ocasião, eu comentei que o poster era brinde de uma revista mensal, na qual cada edição era publicada com um poster diferente. Não era parte integrante do jogo nem nada, muito menos rara ou cara.
Por fim, passaram-se alguns dias e nada do leilão. Certamente vários fizeram oferta inbox (leilão inbox), e agora, eis que me aparece esse anúncio no OLX no valor de R$ 400,00 (QUATROCENTOS REAIS). O problema não é nem o fato do preço ABSURDO (porque quero acreditar que ninguém vai ser retardado o suficiente pra pagar esse valor), mas sim a inflação que esse tipo de anúncio gera.
Daqui a pouco outro desinformado olha o anúncio e pensa "Opa! Eu tenho um igual a esse em casa. Vou anunciar mais barato, tipo R$ 350 e fazer uma graninha hehe". Aí vem outro e pensa "opa! Eu tenho um poster desses, só que de outro jogo. Se tá anunciado por esse preço é porque vende né?"... E assim por diante. E isso não afeta apenas valores de posters, mas também todo e qualquer item relacionado à games retrô. "Ora, se tem gente comprando um papel por 400 reais, o jogo deve valer 800 né".
Vira uma bola de neve.
O que mais tem nos grupos de vendas de games é especulação. Povo que não entende nada de games retrô (e nem procura buscar informação em fontes confiáveis), fica nos grupos espreitando, só coletando informações, especulando o quanto tal item é desejado e o quanto as pessoas estão (supostamente) dispostas a pagar por ele."

0 comentários :

Postar um comentário